terça-feira, abril 03, 2007

Palavra do dia

Pletoricamente.

Quando leio uma palavra portuguesa que me é desconhecida, fico a pensar na minha condição de emigrante. Estar longe, mesmo na era da internet e da televisão por satélite, tem as suas desvantagens. À medida que o tempo passa, por mais livros, jornais e blogues que se leiam, fica-se com a sensação de que se domina cada vez menos a língua. Tanto a língua portuguesa como a própria língua que nos faz articular as palavras, que no meio de conversas numa língua faz com que saiam palavras de outra.
Fico perdida, como se me faltasse o degrau de uma escada, como se não pudesse ver onde vou pisar a seguir. Depois faz-se luz, e consulto o dicionário. Um dicionário online, que sempre deve ser actualizado de vez em quando, uma pessoa nunca sabe a que velocidade se move a língua, ainda que esta seja materna. O dicionário não sabe do que se trata. O google (define: pletoricamente) também não. Última tentativa: procuro no dicionário e no google "pleto". Também não está lá. Mais uma tentativa, que a última tentativa deve ser uma bem sucedida, procuro no google.pt (pois se é suposto ser português) a palavra, sem o "define", a ver o que dá. Alguns resultados (569 no total, não é uma palavra lá muito famosa) dão a entender que talvez seja derivada do espanhol. O espanhol não é propriamente a minha especialidade. Ultimamente (que isto não era sucesso suficiente) uso as language tools do google.com para traduzir "pletóricamente" do espanhol para inglês. Resultado: "fullly". Agora estou satisfeita (ainda que me pareça estranho que fully tenha 3 "l"s, e ao pesquisar no google com "define: fullly" o próprio google não só não encontre nada como ainda sugira "fully" com dois "l"s). A minha vida pode prosseguir.
4 comentário(s)

4 Comentário(s):

...mas olha que não sei se esse "fully" me deixa completamente satisfeita...

Na entrada "pletórico" o meu dicionário diz-me:
1. Med. que é relativo à pletora. Exemplos: estado pletórico, temperatura pletórica. (Fiquei na mesma, mas já lá vamos...)
2. (Med.) que parece indicar predisposição para a apoplexia; que tem pletora. = APOPLÉTICO. Paciente pletórico.
Aqui já começo a vislumbrar-lhe algum sentido... Mas decido dar uma espreitadela à tal "pletora": na acepção 1. Med. abundância excessiva de sangue ou de glóbulos sanguíneos no organismo ou em qualquer órgão. Oposto de ANEMIA.
Ora nem mais!

Mas o meu dicionário não se fica por aqui:
3. Bot. que tem excesso de seiva ou pletora. Planta pletórica. (Neste caso, a "pletora" é na acepção 2. Bot. excesso de seiva que dificulta a florescência e a frutificação dos vegetais.)
Aqui começo a perceber a piada indirecta do blogue "a origem das espécies"... hehe!

O dicionário lá continua:
4. que dá mostras de muita vida. = EXUBERANTE.
5. que está excessivamente cheio.
Ora estas duas últimas acepções da palavra é que estarão relacionadas com o que o tal jornalista quis dizer... Só que se calhar o senhor esqueceu-se de continuar a ler o dicionário! É que na entrada "pletora" há ainda mais duas acepções não muito lisonjeiras...
3. indisposição ou mal-estar resultante do excesso de vitalidade, da actividade fisiológica.
4. estado do que existe em demasiada quantidade. abundância excessiva de qualquer coisa que produz, geralmente, efeito nocivo. = PROFUSÃO, SUPERABUNDÂNCIA. Oposto de CARÊNCIA, FALTA, INSUFICIÊNCIA, PENÚRIA. A pletora de um produto no mercado provoca um abaixamento no preço.

Teria o senhor jornalista, de tanta pletórica junta, ficado indisposto com a Primavera??

By Blogger bruxinha, at 11:30 da manhã  

LOL boa explicação bruxinha. Estou a ver que preciso de outro dicionário. :)

By Blogger Snowgaze, at 12:09 da tarde  

Ainda para mais o dicionário online que costumo utilizar, em "pletórico" apenas diz:
adj.,
que tem pletora;
relativo à pletora.
E em "pletora":

do Gr. plethora, grande quantidade

s. f.,
excesso de humores ou sangue;
excesso de seiva;
superabundância.

Daí que o "fully" até nem estava mal.

(mas qual é que é o teu dicionário?)

By Blogger Snowgaze, at 12:12 da tarde  

Pois, pode ser um método muito antiquado, mas como tu online também não tinhas encontrado nada de jeito, fiquei curiosa e não descansei enquanto não fui à cave. É que o meu dicionário é dos de papel ainda... É o Dicionário da Academia, que tantas polémicas tem suscitado, mas que neste caso veio mesmo a calhar! Deu uma trabalheira "digitalizar" tudo (ou seja, copiar as letrinhas uma a uma a dedo...), mas consegui! Agora nós e o cibermundo já sabemos o que é pletoricamente, pletórico e até pletora.

By Blogger bruxinha, at 6:12 da tarde  

Enviar um comentário página inicial