quinta-feira, março 01, 2007

Judaico-cristã

A culpa é lixada. A culpa daquilo que se fez, culpa do que não se fez, mesmo quando há razão nenhuma para uma pessoa se sentir culpada. E a culpa daquilo que se pensou? Essa então é um espectáculo...
Há para aí alguma cultura em que as pessoas não se sintam culpadas?
1 comentário(s)

1 Comentário(s):

Talvez a cultura da papoila ajude?... ;-)

Os brasileiros dizem: desencana.

Às vezes, a culpa do que fiz chateia-me, mas nunca senti culpa por algo que pensei. Entre o pensar e o fazer, vai a distância que me redime.

By Anonymous Helena, at 11:33 da tarde  

Enviar um comentário página inicial