segunda-feira, outubro 09, 2006

Horror

Nao só tive que fugir da traça gigantesca que já estava meia atordoada (nao fui eu, juro!) e andava aos círculos na sala, como a grande besta me perseguiu até ao computador. Mais uns círculos em volta da lâmpada mais próxima de mim, e desapareceu por trás do monitor. Já estava a pensar em fugir dela outra vez, mas se calhar entretanto morreu, que nao lhe voltei a pôr a vista em cima (nem a sombra lhe voltei a ver!). Entretanto fiquei cheinha de comichao. A traça, feia, enorme, castanha, com pó castanho nas asas, pode ter morrido, mas eu sinto-me como se ela me tivesse mordido todinha.
1 comentário(s)

1 Comentário(s):

De facto...bichinho feio! Nem todas podiam ser bonitas como as borboletas!!

By Blogger Nocas, at 10:31 da tarde  

Enviar um comentário página inicial