terça-feira, março 14, 2006

É hoje

Já ando a pensar neste assunto há imenso tempo. Depois de ter recolhido informação oral e escrita, esta ainda me pareceu incompleta e fortemente influenciada pelos sujeitos que me forneceram a informação, pelo que me decidi a investigar pelos meus próprios meios em todos os locais onde se encontram a espécie de que hoje vos vou falar.
Toda a gente já ouviu dizer que as portuguesas são peludas, não é? Pois, ainda há uns dias recebi por email uma foto de uma gaja nua, tanto ou mais peluda que qualquer gajo ibérico, com o título "portuguesa". Claro que esta gaja podia ser tudo, menos portuguesa. Não só pelo exagero de pêlos por tudo quanto é sítio (até no rabo, vejam lá!), como pelo facto de estar numa sala com uma estante cheinha de livros, e estar a ler uma revista inglesa. Ora toda a gente sabe que os portugueses não lêem, e têm alergia a livros. Antes desta provocaçãozinha, já tinha recebido outras parecidas que dizem que portuguesas têm muitos pêlos debaixo do braço e tal e coisa. Como toda a gente sabe, isto é completamente, totalmente, inequivocamente falso! As portuguesas até podem ter um bocado de testosterona a mais, que lhes dá vigor, sangue quente, paixão, e uns pelitos a mais, mas gaja que se preze nunca sai à rua de pêlos à mostra. Se tem pêlos nas pernas, anda de calças, se tem pêlos nos sovacos, de t-shirt, se tem buço, depila-o antes de pôr o pé na rua ou receber visitas. Uma gaja portuguesa só vai para o ginásio de calções quando tem a depilação feita, rejeita sexo (pelo menos com as luzes acesas) se tiver pêlos, e só anda de saia nas 3 semanas a seguir à depilação com cera (ou dois dias, se tiver usado a amiga gilete ou creme depilatório).
Ainda assim, não nos livramos da fama de sermos insuportavelmente peludas. Mentiras, calúnias, difamações, enfim, insultos que temos que ultrapassar.
Claro que, com tanto preconceito, uma gaja portuguesa que emigra para a terra das loiras pensa que por aqui não há tal abominação. Nada mais falso. A começar pelas loiras. Até pode ser que haja mais loiras por quilómetro quadrado do que em Portugal, mas apenas uma pequena percentagem é verdadeiramente loira. As outras, são tão oxigenadas como qualquer "tia" portuguesa. Os loiros, são um mito ainda mais raro. Ainda assim, sabe-se lá como, os putos costumam ser loiritos, deve ser da comida (esparguete com ketchup a mais ou batatas fritas com ketchup a mais, e isto são pratos principais para um almoço!!!), porque com a idade, passa-lhes. Morenos há por aí a pontapé.
Destronado o primeiro mito - a loirice - vem o segundo - os pêlos. Até pode ser que haja alemãs que geneticamente tenham poucos pêlos. Mas ainda não encontrei nenhuma. E o pior de tudo, é que muitas se recusam a reconhecer que sim, TÊM PÊLOS. Elas têm buço, elas têm uma floresta nas pernas, elas têm arbustos debaixo dos braços. Já cheguei a ver uma gaja, em pleno verão, de calções do tamanho de umas cuecas com pêlos desde os pés até onde se podia ver... Lá porque vinha acompanhada de um gajo que estava a fazer exactamente a mesma figura, não havia necessidade de se parecer tanto com ele!
Vindo o verão, é só gajas de saia por todo o lado. Pernas ao léu. Pêlos compridos à vista. Mas quem é que lhes disse que os pêlos castanhos ou castanhos claros não se vêm? É que nem sequer são transparentes...
O pior de tudo, aquilo que realmente me mete nojo são os pêlos dos sovacos. O problema não é só visual, mas, mais importante, o cheiro. É verão, sua-se mais, e a transpiração ficar ali bem agarrada, a desenvolver um fedor que afasta qualquer um muito rapidamente. É tiro cheiro e queda! Isto devia ser proibido, principalmente nos transportes públicos. Já que é proibido comer, beber, falar ao telemóvel, também devia ser proibido cheirar mal e não depilar os sovacos durante anos! Porque é que será que isso não os incomoda? Ah, já sei, eles pensam que não têm pêlos...
E as miúdas do nudismo? São o máximo... 18 graus (ou mais), toca de ir para o Isar ou o Englischer Garten apanhar sol naquela pele branca... oops, errado, o sol é impedido de atingir a pele devido à densidade de pêlos, e por isso elas nunca ficam morenas! (Agora podia aproveitar para falar dos gajos que as acompanham e o tamanho de uma certa parte do corpo deles, também com alguns pêlos à volta, mas não vou fazer isso, se algum deles algum dia lesse este relato ficaria tão envergonhado que nunca mais se atreveria a mostrar a coisinha, por isso, não vou comentar.)

Resumindo e concluindo: é uma injustiça! As portuguesas têm a fama de serem peludas, e as alemãs é que andam por aí a mostrar a selva para quem a quiser ver. Deve ser por isso que há poucas marcas de depilatórios no supermercado/hipermercado, e mesmo certos produtos específicos (zona do bikini, por exemplo) não se encontram em todo o lado.
11 comentário(s)

11 Comentário(s):

UMA VERDADEIRA TESE!!!! É O QUE É!!

By Blogger Minhoca,a verdadeira, at 10:36 da manhã  

Muito bem! Apoiado! Estava a ver que nunca mais ninguém falava dessa difamação, que não sei de onde surgiu. Se à mulher mais bem depilada, é sem dúvida a Portuguesa.

By Blogger Dani, at 10:54 da manhã  

É verdade!!
Acho uma falta de respeito os preços exorbitantes que alguns salões de beleza aqui cobram por uma depilação com cera! Lá tenho eu de andar de gilete na mão, os cremes fazem-me alergia e ainda não me consegui habituar às maquinetas... aquela m*#$% dói... (ok, a cera também, mas é um puxãozito rápido e já está, com as espirais a dor é constante durante todos os 30 minutos ou mais que aquilo demora!)
Alguém conhece uma esteticista com preços normais nesta terra? É uma enorme lacuna no mercado, o que promete um bom negócio! Devíamos "importar" algumas esteticistas portuguesas para cá e abrir uns salões de beleza por toda a Alemanha, tipo franchising. Já tenho perguntado a amigas e conhecidas, mas a maior parte também usa gilete ou cremes, precisamente por não haver alternativas.
Um sugestão que me deram foi perguntar a raparigas turcas ou de países árabes, elas costumam depilar-se (a higiene corporal no Islão é muito importante). Aliás, foi precisamente nessa zona do Mundo que surgiram os primeiros métodos de depilação, com umas misturas à base de mel e açúcar, antes de se usar a cera de abelhas.
Só que infelizmente não conheço nenhuma turca pessoalmente, nem vou abordar nenhuma na rua para fazer uma pergunta íntima destas! Ainda levava a mal...

By Anonymous bruxinha, at 11:11 da manhã  

O sítio mais barato que conheço leva 100 euros por uma depilação completa, uma barbaridade! Comparativamente, em portugal costumava pagar cerca de 15 euros...
No entanto, conheço algumas mulheres que frequentam esses tais salões de turcas (ou outras nacionalidades, claro), que levam cerca de metade.
Há uns tempos achei um site qualquer que falava de depilação em Munique, nomeadamente por brasileiras. Não faço ideia dos preços (não fui lá), mas só a ideia de ir à depilação e poder falar português, agradou-me! ;)
bruxinha, tu não estás em Munique, pois não?

By Blogger Snowgaze, at 11:43 da manhã  

pronto, já me estragaste o almoço.... keine Bilder bitte...

By Blogger JSA, at 1:10 da tarde  

Pois não, Snowgaze, não estou em Munique nem dá muito jeito ir aí... é que são quase 200 km! Mas se algum dia lá fores, se os preços forem agradáveis e as mocinhas simpáticas, manda o contacto! Semre posso juntar o útil ao agradável e marcar uma "consulta" aquando de alguma visita à capital bávara.
Mas bem, se pelo menos as turcas levam cerca de metade, só tenho é que me pôr à procura de uma por aqui! É caríssimo, mas uma vez por outra vale a pena, em comparação com os 120€ que já paguei - uma única vez e por uma boa causa e porque não havia mais alternativa nenhuma!

Ah! Lembrei-me agora de uma coisa que vi hoje no supermercado e me deixou de boca aberta! Vem mesmo a propósito do que disseste acerca de haver poucas marcas de depilatórios à venda e os produtos específicos (bikini, etc.) não se encontrarem em todo o lado...
A Veet acaba de lançar no mercado uma linha de depilação PARA HOMENS! Sim senhora, isso mesmo: Veet for Men. Não sei se há mais produtos nesta gama, mas pelo menos têm o banal creme depilatório e as bandas de cera fria! Deve ser uma coisa recentíssima, ainda nem está na página da net; por curiosidade fui comparar a espanhola e está lá o anúncio ao creme, na francesa estão os dois produtos.
Espero não ter estragado o jantar a mais ninguém... ;-)

By Anonymous bruxinha, at 8:00 da tarde  

Também vi isso na DM, que é o sítio onde se encontram mais produtos deste tipo. Mas acho que saiu em Portugal há uns meses, e por cá também. A mim nao me estragas o jantar, eu até gosto de homens depilados (e nao devo ser a única, senao o Veet for men nao existia). Manias... ;)

By Blogger Snowgaze, at 9:06 da tarde  

Bem, a piada do jantar era mais para o/a JSA...

Analisando bem a coisa, se as alemãs não se depilam nem ligam aos pêlos, para que é tanto produto no mercado? Ele são cremes, ceras em bandas, ceras em potes, giletes e espuma ou gel para as ditas, loções e cremes para depois de depilar (só falta o after-shave!). Até há pós para descolorar o "bigode".
Visto por outro prisma, se estas empresas não foram ainda à falência, e todos os anos há novos produtos no mercado, então é porque há muitas interessadas em depilar-se. Mas então, pergunto-me eu, se há assim tanta gente a depilar-se, por que raio é que não há esteticistas como em Portugal?

Lá, qualquer cabaleireiro de bairro tem a sua esteticista, especialista em depilações, limpezas de pele, maquilhagem e afins. Aqui, para se ir a uma sessãozita de cera é preciso procurar com uma lupa os salões de beleza ou institutos de estética onde as há ( e caríssimas!), porque nos cabeleireiros nunca de tal ouviram falar (O quê? Cera? Não sei o que é, não fazemos. Ai, isso deve doer imenso!)

Acho que vou importar uma... era um bom negócio!

By Anonymous bruxinha, at 1:36 da tarde  

bruxinha, é O JSA. Nos outros blogues assino os comentários com João André. Só para referência :)

By Blogger JSA, at 10:04 da manhã  

Ah, então parece que já nos conhecemos! És o mesmo João André com quem me tenho correspondido esta semana no blogue da Polliejean?
Pois é, desculpa a ambiguidade, eu tinha mesmo uma fezada para O JSA, mas nunca se sabe... Agora já sei quem és!

Bom fim-de-semana a todos!

By Anonymous bruxinha, at 11:27 da manhã  

meninas... sou brasileira e ontem fui a ginecolgista para falar sobre pelos... q acho q são exagerados na minha perna (a médica até disse q tem mulheres q têm bem mais q eu) mas imagina eu no brasil tenho q andar de calças até essperar o periodo de depilar com cera??? Ah como eu sofro.. rsrs... mas entrei nesse blog pq tava pesquisando sobre esse mito de "portuguesas peludas" uma vez q a médica q me atendeu falou q o meu problema pode ser genético, herdado por descendencia portuguesa, espanhola ou arabe!!! Como sou descedente de portugueses então realmente pode ser genético... Estou pensando em ir para Porto uns 6 meses, já tava pensando em como fazer para me depilar! hahahahahah...fiquei triste em saber q os preços são caros! Qual é o preço médio de uma depilação aí em portugal? de preferencia em porto? Aqui no Brasil virilha eu pago 17 reais (e é considerado caro) deve equivaler a mais ou menos 6,50 euros... Nunca q vou conseguir um salão aí q cobre aproximadamente isso né?? q triste! :(

Beijos pra vcs!

By Blogger Rosi, at 12:27 da tarde  

Enviar um comentário página inicial