quinta-feira, dezembro 01, 2005

Novembro

No mês de Novembro vi três blogs acabar. Um que lia regularmente, outro que li regularmente durante algus meses e depois deixei de ler, e outro que lia apenas muito ocasionalmente. Tive muita pena que um deles (o mais intimista) acabasse, mas quanto aos outros dois, nem por isso. Custa-me mais ver acabar um blogue que é quase como um diário, que mostra ao mundo a vida de alguém, de outras pessoas que só se conhecem de as ler ali, é algo mais precioso do que um blogue de política, ou de notícias. Aquelas pessoas faziam também parte da minha vida. E agora, já não vou saber o que é que acontece a seguir, e há tanta coisa ainda vai acontecer.
Pergunto-me se novembro é o mês dos bloguistas suicidas (no sentido em que matam os seus próprios blogues), ou se o fenómeno continuará indiscriminadamente ao longo do tempo.
3 blogues não são muitos blogues, mas para mim, que frequento aí uns 30, mais ou menos regularmente, representam um número bastante grande. 10% pode ser uma grande percentagem.
Quanto a mim, ainda não é desta que desisto, apago o blogue, nem nada que se pareça. Embora às vezes não me apeteça escrever (e então não escrevo), e às vezes pense que um dia talvez deixe de ter algo a dizer, não estou a ver o fim desta página ao virar de uma qualquer esquina. Mesmo quando não tiver nada a dizer, posso sempre dizer que não vou dizer nada. Há coisas que não me assustam.
8 comentário(s)

8 Comentário(s):

Pois é, ter um blog dá muito trabalho e a partir de algum tempo começamos a reparar nisso, que desperdiçamos horas e horas por algum pouco reconhecimento... A vida de blogger é dificil....

By Blogger Daniel Malafaia, at 11:28 da manhã  

pois, mas no meu caso poderei acabar com o meu entretanto. não significa que deixe de blogar, apenas que poderei mudar de casa e reiniciar do zero um blogue. blogar, mais que ter um blogue, torna-se um vício.

By Blogger JSA, at 11:55 da manhã  

jsa: vais acabar com o blogue? Não me apercebi...
De qualquer forma, estava mesmo a referir-me, em dois casos, a pessoas que deixam completamente de "blogar". Mudar de casa ou recomeçar do zero (e avisar o pessoal que lê) tem um impacto bem menor que simplesmente deixar de escrever ou até apagar o blog.

By Blogger Snowgaze, at 12:00 da tarde  

É essa a atitude...ha dias em que nao temos nada para dizer (há?) mas isso nao quer dizer que matemos o blog. ele nao se pode defender, tadinho!

By Blogger Minhoca,a verdadeira, at 12:13 da tarde  

Que nem te passe essa ideia pela cabeça. Este blogue é uma das minhas visitas diárias, ainda que nem sempre comente. Mesmo qd não temos nada que dizer, deixa-se ficar em stand-by ;)

By Blogger Micas, at 3:23 da tarde  

Obrigada Micas, não me passou pela cabeça. Dá-me um jeitaço escrever umas parvoíces por aqui de vez em quando, sempre pouco nas visitas ao psicólogo eheheheh! :)

By Blogger Snowgaze, at 4:00 da tarde  

Daniel: no teu caso acho que dá ainda mais trabalho que o normal, com toda a edição de imagens que fazes! Mas o resultado é muito engraçado! :)

By Blogger Snowgaze, at 4:01 da tarde  

acabar é uma forma de dizer, em princípio, por volta do segundo aniversário, deixarei de escrever no À Deriva e criarei outro blogue. é apenas uma forma de começar de novo, não é nenhuma ameaça de fim de bloguices :)

By Blogger JSA, at 4:12 da tarde  

Enviar um comentário página inicial