terça-feira, agosto 23, 2005

Que é que queres ser quando fores grande?

A propósito das séries americanas de advogados, jornalistas, detectives e outras que tais (post inspirado pela Rita).
Eu gostava mesmo de ver uma série (sim, que um filme não é a mesma coisa) sobre uma engenheira civil. Desde que li a história da Rita (outra Rita), ela passou a ser a minha heroína.
A Rita é, ou vai ser dentro de pouco tempo, engenheira civil. Um dia teve que sair do gabinete para fazer um "trabalho de campo" - não sei se é assim que se diz - mas estava de saltos. Claro que isso, para uma eng. civil heroína não é nada. Sacou as botas do jipe, e pronto. A partir daqui passei a ver com outros olhos as engenheiras civis! :) Uma mulher que não se atrapalha em nenhuma situação só pode ter estatuto de heroína, no mínimo! :)
Infelizmente já vou tarde, senão mudava a profissão da minha vida para engenharia civil. Afinal de contas, eu sempre gostei de obras, de construções, de grandes projectos. Deve ser por isso que quando era miúda estava sempre a brincar com legos, e hoje em dia me dedico a construir casarões nos SIMS. E a planear vizinhanças inteiras, centros comerciais, piscinas subterrâneas, discotecas e restaurantes. E ainda a construir parques de diversões inteirinhos no Rollercoaster Tycoon.
Quando era miúda divertia-me em prédios em construção. Havia lá nada melhor que andar nos andaimes, ou saltar de uma varanda para um monte de areia. E jogar às escondidas? (À parte disto ainda roubava pedia emprestadas tábuas com os meus amigos para fazer carrinhos de rolamentos. Devia ser a parte de engenheira mecânica que há em mim. ;) Mas isso fica para outro post...)
3 comentário(s)

3 Comentário(s):

Embevecida me encontro com estas palavras tão construtivas (acho que é este o termo aplicável)!:)))
Nunca ma minha complexa existência me olhei como uma heroína mas... lá que me soube bem:)....soube:)
Obrigada pelo carinho e olha que nunca é tarde para projectar qualquer coisita:)...quanto mais não sejam uns slides;))))

By Blogger RiTa CaTiTa, at 1:42 da tarde  

Como sabe bem alguem dar valor às engenheiras, sim por não é facil, trabalhar num meio de homens, ainda mais, alguns bem rudes das obras!! :)) Um beijo

By Blogger Farofia, at 12:23 da manhã  

quando era pequena queria ser advogada, exactamente porque adorava as séries de televisão. Já me via a defender grandes causas, perante um juri... exactamente como na televisão. No entanto tornei-me professora e assistência não me falta... no fundo até encontro algumas semelhanças... Passo a vida a defender grandes causas...
Adorei o seu texto. Bjos

By Blogger Eu, at 3:18 da tarde  

Enviar um comentário página inicial