segunda-feira, julho 04, 2005

Os blogues sao uma coisa engraçada. Começa-se timidamente, a escrever umas coisas, sem dizer nada a ninguém. Uns tempos depois visitam-se outros blogues, deixam-se comentários porque nao conseguimos estar calados, que se conseguíssemos nao tínhamos começado a escrever um blog. Investigam-se as barras laterais dos nossos blogues preferidos, acrescentam-se aos favoritos para que possamos em quaquer momento verificar as novidades na vida daquele blog. Perdem-se horas e horas a ler isto e aquilo, porque há gente que escreve coisas giras, outros que têm uma vida interessante, outros que inventam coisas de partir a rir. Podem-se etiquetar: os blogues cómicos, os blogues políticos, os babyblogs, os blogues literários, os blogues emigrados, os blogues fotográficos, os blogues-diários. Com o tempo, uns deixam de existir, outros deixam de nos interessar, aparecem ou descobrimos uns blogues novos que dao vontade de ler até o arquivo acabar. Às vezes pensamos, puxa, como é que eu nao descobri isto antes, que blogue tao giro! E, de link em link, de comentário em comentário, andamos na roda dos blogues a partilhar a nossa vida e a vida dos outros. Percebemos quem anda feliz da vida, e nos transmite essa felicidade, e quem anda em baixo, a quem tentamos transmitir energia positiva.

Às vezes penso que/se um dia vou deixar de escrever no blogue, pura e simplesmente por se me esgotar o assunto ou a inspiraçao. Mas logo mudo de ideias. Já falo há muitos anos e nem por isso deixo de falar. Mesmo com aqueles com quem sempre partilhei a vida, tenho sempre algo de que falar. Quanto mais nao seja, inventar parvoíces, que a vida também é feita delas, e que bem que me sabe dizê-las. Por isso, quando acho que um dia nao terei mais nada para dizer, sei que me engano. Para isso era preciso eu nao gostar tanto de falar.
4 comentário(s)

4 Comentário(s):

pois e' tens razao.
para mim foi numa de registar as experiencias vividas nas viagens e depois descobri que seria tambem uma optima via para restabelecer contacto diario com portugueses, coisa que ja tinha perdido ha mais dd 10 anos.\sabe bem o trocar de ideias, 'as vezes implicar e ser implicado... enfim conviver como se estivessemos no cafe', apesar da distancia...
estejamos na europa, americas, asia, africa, australia, a gente encontra-se quando quer para essa troca de ideias... e' giro se consumido qb!

By Blogger Nic, at 2:22 da manhã  

O teu post está extraordinário. Eu sinto exactamente o mesmo.

By Blogger correioverde, at 10:50 da manhã  

E nao consigo dizer mais nada... mais uma vez o post que escreveste esta fabulastico... jokas

By Blogger Ana, at 11:04 da manhã  

:)

By Blogger Joana, at 11:09 da tarde  

Enviar um comentário página inicial