quinta-feira, junho 02, 2005

Cheiros

Andam por aí certas e determinadas pessoas a falar de cheiros que gostam e de que nao gostam. Pois há quem goste do cheiro da terra a seguir à chuva. Acham que fica tudo limpinho. Pois eu nao gosto nada. E ainda para mais fico com dificuldade em respirar. Deve ser da falta da poluiçao. Eu preciso do pó no ar para sobreviver. Assim um cheiro que eu gosto é do cheiro a Verao. É o cheiro do mar misturado com os cremes solares. Ainda ontem fui à Karstadt (um dos grandes armazéns cá do burgo) à procura desse cheiro.
Eu que nunca na vida gostei de perfumes, acabei por acumular milhentos frascos nos últimos tempos. Lá para o Natal lá me decidi a gastá-los, porque pensei, bem, se me oferecem tantos perfumes é porque eu devo cheirar mesmo mal. Se calhar cheiro a terra depois de chover, eu percebo que isso nao seja nada agradável. E, muito a custo, lá consegui acabar com os 427 frascos de perfume. Aquilo ao início foi difícil, que eu nao estou habituada ao álcool. Mas depois a minha pele foi-se habituando, e agora nao quer outra coisa. Agora que só já tinha um frasquito dos pequeninos, tive que ir comprar um perfume novo. É que quando uma pessoa cria habituaçao a qualquer coisa, depois nao pode passar sem ela. E eu já estava a entrar em pânico só de pensar que o meu último frasco podia acabar e eu sem mais nada em casa. Portanto, lá fui eu à perfumaria da Karstadt - ou seria Kaufhof? Confundo sempre as duas... Indo na hora do almoço aquilo sempre estava mais calmo, e podia ter a loja quase só para mim, e para as outras 4519 pessoas que tinham tido a mesma ideia brilhante. Sei que a ideia era brilhante pela quantidade de pessoas que a tiveram precisamente no mesmo dia e à mesma hora que eu. Estava eu entao na perfumaria, a experimentar alguns perfumes que nao conhecia, e entao vem uma senhora, que nao devia trabalhar lá, pois foi muito simpática e perguntou se podia ajudar. Toda a gente sabe que os alemaes, regra geral sao muito antipáticos, principalmente nas lojas, e é por isso que esta senhora nao podia trabalhar na perfumaria. Mas é pena. É pena, porque ela tinha jeito. Perguntou-me se eu andava à procura de alguma coisa em especial, e eu expliquei-lhe que queria um perfume que cheirasse a Verao. A praia, a bronzeador, essas coisas. Ela pôs-me um bocadinho de um na mao. Eu já tinha visto alguém a experimentar um perfume, parece que tem que se abanar bem, e só depois cheirar. É que os perfumes só ficam activos depois de se abanar. Passados uns 4, 5 minutos, lá inspirei o aroma. Cheirava a laranja, e eu disse isso à senhora. Ela corrigiu-me, disse que aquilo cheirava a citrinos, nao era nada a laranja. Bem, eu nao queria um perfume que cheirasse a citrinos, por isso fui-me embora. Mas passei o resto do dia a verificar o cheiro. À medida que o tempo ia passando, nao sei se foi a pele que se começou a viciar, ou o nariz talvez, mas aquilo já me cheirava a laranja misturada com pêssego. A laranja nao é bem um fruto de Verao, ensinou-me a minha mae, mas já o pêssego é toda uma outra história. O pêssego é, sem sombra de dúvida, um belo representante do Verao. Nao há pêssegos no Inverno. Só os de lata, mas esses toda a gente sabe que nao valem nada. Por isso tive que voltar à loja. Claro que a senhora que me tinha ajudado já nao estava lá, pois claro, devia estar no emprego dela. Entao tive que pedir a uma empregada mal encarada o perfume que eu queria. Ela fez a conta, quer dizer, registou o perfume, pois se eu comprei só uma coisa nao há conta a fazer, nao é verdade?, e ia-me deixar vir embora sem me dar nenhuma amostra de nada. Eu aí pensei, alto e pára o baile, quer dizer, ela até pode ser mal encarada e tal e coiso, mas eu comprei qualquer coisa, tenho que ter uma amostra seja do que for. Entao lá lhe expliquei que queria outros perfumes, para testar. Claro que na altura nao me ocorreu que uma amostra é um "muster", e também nao me lembrei que perfume se diz "duft" e entao usei o francês "parfum". Devo ter dado uns 27 pontapés na gramática, e mais uns 45 pontapés na língua alema, mas a mulher entendeu o que eu queria. E deu-me duas amostras. Snowgaze 1, antipática 0.
2 comentário(s)

2 Comentário(s):

Que querida! Se ha coisa que nao me costumam chamar é certa, mto pelo contrario, oico frequentemente coisas como 'tu nao deves ser la muito certa'. Adiante..!
O Kaufhof é na esquina da Marienplatz, onde comeCa a rua onde ficam 3 h&M's, new yorker e as lojas da roupinha mais em conta. O Karstadt é ao longo dessa rua, mais ou menos em frente a uma igreja, mais a caminho do Karlsplatz. Perco-me nos dois, sinto-me no corte ingles!

By Blogger Minhoca,a verdadeira, at 1:51 da tarde  

Entao devia ser a outra Karstadt, foi à beira de Karlsplatz.

By Blogger Snowgaze, at 2:11 da tarde  

Enviar um comentário página inicial